Teatro Gamboa Nova tem artes cênicas negras na pauta de novembro! Venha ver!


novembro_negro
Foto Dan Rammirez

No Mês da Consciência Negra o Teatro Gamboa Nova busca formas de dialogar com este marco. O negro consciente de si, de seu intenso tempo, beleza, sua voz e participação em todas as esferas culturais e sociais, mesmo diante da brutal adversidade racial por todo o mundo.

Confira a programação:

CINE

Mostra de Curtas Ouriçado Produções

01 a 30/11 (qua a dom)

antes das apresentações com autorização prévia das produções – GRATUITO

Canal de humor negro (essencialmente feito por negros) que para além do humor lança mão do audiovisual para discutir questões como representatividade, racismo e preconceito.

EXPOSIÇÃO

10 anos de Boa Nova – Galeria Jayme Fygura

01 a 30/11

quarta a sábado das 16h às 20h e domingo das 15h às 17h – GRATIS

Imagens diversas, com conteúdo afetivo e visual da história do projeto Gamboa Nova, através da colaboração de diferentes artistas que ilustraram as capas das programações do teatro nos últimos anos.

novembro_negro
Fto Andreia Magnoni

OFICINA

Turbantes para Cerimoniais – Tulany

13/11 (segunda) – 15 às 17h – Valor R$ 50 (inscrição no dia – levar tecido a partir de 1m/lotação 30 pessoas)

Aristóteles Guerra Filho, conhecido como Tulany – nome de origem africana ‘aquele que tira raízes e abre caminho’ – é artista plástico, educador, artesão e agente de mudanças sociais há mais de 40 anos no Centro Histórico de Salvador. Oferece esta oficina como resgate e preservação da cultura afro-brasileira, com ênfase na reconstrução da identidade étnico-cultural.

TEATRO-PERFORMANCE

Rosas Negras- Nata (Núcleo Afro-brasileiro de Teatro de Alagoinhas)

01, 02, 03, 08, 09 e 10/11 (quartas, quintas e sextas) – 20h –  R$20 (inteira)/ R$10 (meia)

sessão extra dia 10 (sexta), 16h, apresentação gratuita para escolas

Espetáculo solo de Fabíola Nansurê, com direção de Diana Ramos, que integra o Natas em Solos – Seis Olhares sobre o Mundo, projeto artístico-investigativo que ambiciona contribuir com o empoderamento da mulher negra.

CLASSIFICAÇÃO: Livre

Coisa de Viado – ONG Bumbá Escola de Formação Artística

04 (sábado) – 20h / 05/11 (domingo) – 17h – R$20 (inteira)/ R$10 (meia)

Performance que desvela questões importantes do universo lgbt, tirando o véu de temas como diversidade de gênero, transexualidade, invisibilidade lésbica, com foco também étnico/racial, ao refletir sobre o esteriótipo da ‘bicha preta da favela’.

CLASSIFICAÇÃO: 12 anos

kaialasulivabispo
Fto Andreia Magnoni

Oralidade Africana- O Caminho de Volta – Grupo Teatral Ayá

11/11 (sábado) – 17h + 20h (duas sessões)-  R$10 (inteira)/ R$5 (meia)

Um teatro experimental, onde o corpo negro tem livre expressão de si e sobre si, de forma afrocentrada e dinâmica, trazendo para o palco temas como África tradicional e Cultura Afro- brasileira.

CLASSIFICAÇÃO: Livre

FESTIVAL

UFNA – Ubuntu Festival de Negras Artes II 

15, 16, 17, 18  + 22, 23, 24, 25/11 (quarta a sábado) – 20h

19 e 26/11 (domingo) – 17h – R$20 (inteira)/ R$10 (meia)

Em sua segunda edição, traz como tema Artes Entrecruzadas, levando ao palco do teatro Gamboa Nova diversos artistas negros nas mais variadas linguagens artísticas. O festival nasceu em 2016, idealizado por Leno Sacramento, Naira da Hora, Shirlei Sanjeva e Luciene Brito.

1º Semana

15/11 (quarta-feira) – Eles não me disseram isso – 16 anos

16/11(quinta-feira)  – Candomblackesia – livre

17/11 (sexta-feira) – EntreLinhas – 14 anos

18/11 (sábado) – En(cruz)ilhada – livre

19/11(domingo) – Banda confusão – livre

2º Semana

22/11(quarta-feira) – Ardor – livre

23/11 (quinta-feira) – Performáticos Quilombo – livre

24/11(sexta) – Kaiala- livre

25/11 (sábado) – Slam das Minas – livre

26/11 (domingo) – Visita –  Show musical de Alexandra Pessoa – livre

slam_das_minas

SARAU

Boi da Cara Preta – ONG Bumbá Escola de Formação Artística

30/11 (quinta) – 20h – R$20 (inteira) / R$10 (meia)

No mês da celebração da consciência negra, a Bumbá leva ao público a força da arte negra feita por artistas de Salvador. Performances, poesias, documentário, danças e música, com o intuito de promover a valorização dos mais diversos cantos e periferias da cidade. 14 anos

Jau abre nova edição do Fuzuê Especial em Cajacity!


JAu
Fto Michel Rey

Os fãs do cantor Jau, que ainda não puderam conferir de perto seu mais novo projeto “Jau Natural”, devem ficar na expectativa. O músico será a primeira atração da nova edição do Fuzuê Especial. O show será gratuito e acontece na próxima quarta-feira (01/11), das 12h às 13h, na Praça de Alimentação do Shopping Cajazeiras.

Na playlist do artista, merece destaque a sua atual música de trabalho, “Serenata de Amores”. O público poderá curtir ainda 14 faixas inéditas e regravações de canções como “Tudo se transforma” e “Eu voltei/Portão”.

Apresentado por Mauricio Habib e Nanny Moreno, o programa também tem transmissão ao vivo, na página oficial do portal iBahia no Facebook. O projeto da Rádio Bahia FM tem como objetivo levar ao público diversas atrações musicais. O empreendimento é o patrocinador oficial do evento.

Projeto Papoeira Musicada reunirá mestres de Capoeira em oficinas gratuitas!


Mestre_Tyko_KamaleAo
Fabíola Campos Fotografia

No último sábado de outubro, dia 28/10, acontece a primeira edição da PAPOEIRA MUSICADA – CONECTANDO SABERES, na qual mestres de capoeira e convidados especiais compartilham ensinamentos, reflexões, filosofias de vida e muita cantoria de ladainhas e corridos capoeira.

Participam da roda o psicólogo André Barbosa e o músico e agitador cultural Waky Hannah, além de Mestre BozóMestre Dnei e Mestre Raimundo Carneiro, com mediação de Mestre Tyko Kamaleão. A festa, que traz ainda apresentação musical de Waky Hannah e do grupo Bahia Canta Paz, acontece na Casa da Música (Parque do Abaeté, s/n – Itapuã), a partir das 15h com entrada franca.

PROGRAME-SE!

30 de outubro – segunda-feira – 18h

– Participação de Mestre Tyko Kamaleão no SARAU DE ITAPUÃ, com palestra do monge indiano Swami Nardanand e atrações musicais – Casa da Música – 30/10/17 – das 18h às 21h.

5 de novembro – domingo – 9h

– Roda de Capoeira e Caminhada com Cantoria com distribuição de folhetos na Orla de Jaguaribe a Itapuã – 05/11/17 – saída às 9h da praia de Jaguaribe e caminhada até a Sereia de Itapuã (orla).

11 de novembro – sábado – 14h

– Primeira vivência da CAPOEIRA DO INTUITIVO – ABCA – Associação Brasileira de Capoeira Angola – 11/11/17 – das 14h às 17h.

18 de novembro – sábado – 9h

– OFICINA DE BERIMBAU – Casa da Música – 18/11/17 – início às 9h – Consiste nas seguintes etapas: A) Descascar a biriba, lixar, envernizar ou pintar, colocar o couro e fazer a vaqueta; B) Trabalhar a cabaça, abrir, limpar, fazer a boca e os furos para colocar o barbante; C) Preparar o barbantes para o aço e para cabaça e D) Retirar o aro de aço do pneu, limpar e lixar o aço,  aramar o berimbau.

25 de novembro – sábado – 15h

– Segunda vivência da CAPOEIRA DO INTUITIVO – Casa da Música – 25/11/17 – das 15h às 18h.

2 de dezembro – sábado – 14h

– Segunda edição da PAPOEIRA MUSICADA – CONECTANDO SABERES – Ponto de Cultura Boiada Multicor – Uniraam – 02/12/17 – das 14h às 17h.

 

Informações e Inscrições:

E-mail: [email protected]

71 99649-9442 (WhasApp)

 

#PoesiaSoteropreta – Milica San: Filha da poesia e da filosofia! – Por Valdeck Almeida


Milica_San04

Jamili Soares (Milica San) escreve desde os 11 ou 12, “pequenas coisas nos diários, coisas que realmente aconteciam. Começaram a mudar quando passei das ‘coisas que realmente aconteciam’, para ‘coisas que realmente poderiam ter acontecido”, fantasias, o Mundo de criança, um mundo de Possibilidades”.

Aos 15 anos Milica meteu a ideia na cabeça de escrever um romance, cujo título era “E a Vida Real?”. Saiu dos sonhos, das utopias e das inocências infantis: “Tudo o que estava escrito nele não se parecia em nada com o que conhecemos sobre o assunto”, deixa escapar.

E a evolução continuou: vieram os estudos em Filosofia; A vida, a obra, as ideias dos grandes filósofos e uma paixão por Conhecer, fervendo dentro da poetisa. “O contato com a Filosofia fizeram as coisas se arrumarem; Permitiu a síntese entre realidade e fantasia”, divulga Milica San.

A temática é variada e a inspiração vem do que Milica San consegue ver de olhos fechados: O caos. A fuga do caos. Drogas, sexo, amor e Rock n’ Roll. O porre de todos eles juntos. A saudade e a morte. O outro. E ela dá uma dica: “Escrever sobre o Outro na perspectiva de meu semelhante, é pensar em mim como uma grande vilã, ao culpar O Outro pela dor da vez”.

A poesia de Milica San não foi feita para ferir ninguém, como ela mesma diz. “faço-a para curar. A mim mesma. Tenho um cuidado muito grande com isso”. E sua poesia é uma miríade de aconchegos, é moradia, é motivo para ser bruxa, flor, Deus, ou o nada absoluto. Mas ela não se limita aos poemas. Passeia pelo mundo da música, criando, cantando, misturando, aprendendo instrumentos, fazendo uns barulhos, tudo na tentativa de se encontrar nos olhos do outro. E, nesse jogo, ela se vê nos olhos dos amigos, irmãos reais ou fantásticos.

Seus textos podem ser lidos no Facebook na página “Os Vinhos deste Mundo”, além de alguns livretos, pequenas doses de suas poesias para as ruas. Tem, ainda, “A Angústia da Página em Branco”, publicado pela Antologia Galinha Pulando e mais textos publicados na Revista Òmnira.

 


O último Outono durou mais que o possível.
Está durando, sem previsão de fim.
Estou amando,
aceitando, sem dizer “sim”.
Entregando a parte de mim
que também é tua.
Preferindo morar em Ti
quando posso escolher qualquer lugar de rua.
O primeiro Outono está durando.
A primeira noite em que brincamos
entre risos…
Primeiros e últimos sons
deste amor que nasce, cresce,
reproduz e move.
Reajo muda, quieta,
miúda, imóvel.
Aceito sem dizer “sim”
Sem forças pra te negar
mesmo num balançar de cabeça.
Esqueça! Acho que há algo errado em minha autodefesa.
Deve ser o tempo,
e a tempos desejei fraqueza.
Precisar de um cuidado especial,
como o das crianças.
É que ser forte demais,
às vezes cansa.
O último Outono durou mais que o possível.
Está durando.
Você promete me dar de lembrança
qualquer coisa com o seu cheiro,
qualquer coisa com o seu jeito
se por descuido permitirmos a chegada do inverno?
Que inferno!
Não quero nem pensar nisso…
Eu Renasci no Outono

Milica San

Vai ter Magary Lord no Coreto Hype em Praia do Forte este finde!


Vai rolar a 16ª edição da Feira Coreto Hype, que ocupará nos próximos dias 27, 28 e 29 de outubro, com entrada franca, o Estacionamento Rota Park – Praia do Forte.

Terão shows de Magary Lord (sexta, às 21h)Diamba (sábado, às 22h) e Batifun (domingo, às 17h), e a Feira trará ainda DJ Gregory (sexta, a partir das 17h), aulão de yoga com Marco Freitas (Sexta, às 18h30), uma apresentação especial do musical ‘A Bruxinha que era boa’ (sábado, às 17h), banda Mondaze (sábado, às 20h) e Lari Tavares (Domingo, às 15h).

 

SERVIÇO

Feira Coreto Hype

Estacionamento Rota Park – Praia do Forte

Dias 27, 28 e 29 de outubro

Horários: Sexta das 17h à 0h, Sábado das 13h à 0h, e Domingo das 10h às 20h.

Entrada Franca

Atriz Eddy Veríssimo volta a a pautar a violência doméstica com solo “SOBEJO”!


sobejofestivalacenatapreta
Foto: Andréa Magnoni

A atriz Eddy Veríssimo, indicada em 2016 ao Prêmio Braskem de Teatro, na categoria melhor atriz, volta à Casa d’A Outra, no Politeama, com seu monólogo, SOBEJO. Escrita e dirigida pelo ator, dramaturgo, diretor, figurinista, e também integrante d’A Outra Companhia de Teatro, Luiz Buranga, a peça será apresentada nos dias 06, 07, 13, 14, 27 e 28 de outubro, e 03 e 04 de novembro, sempre sextas-feiras e sábados, às 20h.

Sobejo retrata a biografia fictícia da personagem Georgina Serrat, uma dona de casa que depositou a fé sobre sua felicidade no casamento e tem seus sonhos frustrados pelas agressões de um marido violento. Num misto de flashbacks e depoimentos, vemos uma mulher enclausurada em suas memórias, detalhando um cotidiano cruel e desenrolando uma teia que desemboca num final surpreendente.

Eddy Veríssimo, que também assina a produção do espetáculo, embarca em seu primeiro espetáculo solo após integrar o elenco de diversas produções teatrais como Ruína de Anjos (2015), Remendo Remendó (2011), e Arlequim – servidor de dois patrões (2004), montagem de fundação d’A Outra Companhia e que lhe rendeu também a indicação ao Prêmio Braskem de Teatro na categoria Melhor Atriz Coadjuvante.

sobejofestivalacenatapreta
Foto: Andréa Magnoni

O espetáculo estreou em 2016, ano em que se celebra os dez anos da Lei 11.340 (Lei Maria da Penha), criada para oferecer mecanismos para coibir a violência doméstica e familiar contra a mulher. Na estreia alunos da Faculdade Vasco da Gama foram convidados para assistir ao espetáculo, que será seguido de debate com a diretora do Presídio Feminino, Luz Marina. 

 

Serviço

O Quê: Sobejo – solo com Eddy Veríssimo

Quando: 06, 07, 13, 14, 27 E 28 de OUTUBRO; 03 E 04 DE NOVEMBRO de 2017 – sextas e sábados, às 20h

Onde: Casa d’A Outra – Rua do Politeama de Cima, 114 (em frente ao Instituto Feminino).

Quanto: R$ 30.00 (inteira), R$ 15.00 (meia)

Concurso Beleza Abrantes abre inscrições no Novembro Negro!


concurso_beleza_negra_abrantes

No próximo dia 28 de outubro, acontece em Abrantes a seletiva para o Concurso Beleza Abrantes, promovido pela Associação Cultural e Inclusão Social (Acis). Inscrições abertas até o dia 11 de novembro, por telefone (71 98760-9243) e nos locais: Associação Cultural ACIS, Praça da Matriz, Final de Linha de Abrantes (As Patroas Bistrô )

A ação visa proporcionar a visibilidade do negro na comunidade. Os principais objetivos do evento são trabalhar a auto-estima de mulheres, homens e adolescentes negros, valorizar a cultura e a estética afro-brasileira, bem como angariar fundos para dar continuidade ao Projeto Símbolos de Resistência, mantido pela entidade. Esta é a primeira vez que a comunidade de Abrantes realizará um concurso desta natureza.

A atividade começa a partir das 18h na Pizzaria Forno de Villas (Rua D Pedro I, n05, Fonte da caixa-Vila de Abrantes).

Vai ter Festa OXE com ÀTTØØXXÁ e banda Afrocidade!


OZ ATTOOXXA
Divulgação

Famosa pela sua pulsação rítmica, a Festa OXE 071 chega à sua terceira edição na boate XYZ – Rio Vermelho, no próximo dia 01 de novembro (véspera de feriado), a partir das 23h.

Misturando o black bang do ÀTTØØXXÁ – dono do hit Popa da Bunda e residente da festa – com o swingue urbano da banda Afrocidade, a Festa OXE 071 promete mais um encontro único, onde todos os espaços serão ocupados por muito som, suor, descobertas e arrepios.

Para garantir que ninguém fique parado ao longo das 7h de festa, o line up das pickups fica por conta da BahiaBass do DJ Telefunksoul – residente da OXE, em parceria com os ritmos afro caribenhos do DJ Raiz – percussor da Cultura Sound System na Bahia.

A expectativa da próxima edição é transportar os presentes para uma Salvador visceral, desvendada através da música e conectada entre ritmos, costumes, sabores, cores, humores, resistência e experiências.

Chegamos na terceira edição atingindo o nosso propósito: revelar que Salvador é uma metrópole de ritmos musicais e exemplo de criatividade. Com duas edições de casa lotada, queremos agora firmar a OXE 071 como uma festa de revelações e novas experiências”, afirma Gabriela Souza, idealizadora e produtora.

Os ingressos antecipados podem ser adquiridos com preço promocional na plataforma SYMPLA a R$ 25 (lote promocional)R$ 35 (venda antecipada) ou R$ 50 na bilheteria.

COMPRE AQUI. 

Griôts Ubuntu – Grupo reunirá artistas educadores com performances no Teatro Sesc Pelourinho


Grupo de Dança GriotLab_Foto Divulgação_001
No dia 04 de Novembro de 2017, a partir das 16h, o Projeto Mundo Novo reunirá artistas educadores soteropolitanos no Encontro Cênico Musical Griôs Ubuntu, no Teatro SESC/SENAC Pelourinho.
O projeto etnocultural de artes integradas tem o compromisso de acentuar o conceito de Humanidade da filosofia africana Ubuntu, preservar a memória e a ancestralidade soteropolitana de matriz africana, através da transmissão das narrativas de tradição oral das etnias Bantu, Yorubá – Nagô, como a metáfora e a expressividade cênica musical dos povos de Angola, Benin, Nigéria, Congo, Gana, Guiné Bissau que chegaram à Bahia com a diáspora negra.
 
PROGRAMAÇÃO:
 
16h – “Griôs Ubuntu: contando histórias de Humanidade, cada uma a sua maneira” – Teatro Infantil.

Valor: R$ 20 (inteira) R$ 10 (meia).

 
20h – Performáticos Quilombo – O Som da Palavra! – Espetáculo Cênico Musical

Apresenta um show que contempla multi áreas e embala o público com um espetáculo de ritmos, poesias, artes cênicas, artes visuais, religiosidade e promove através das artes integradas a cultura antirracista.

No seu repertorio o grupo traz canções autorais e também a releitura de artistas da nossa baianidade como Dorival Caymmi, Mateus Aleluia, Caetano Veloso, Gilberto Gil, Lazzo Matumbi, Gerônimo. Terá “GriotLab – Laboratório técnico de Dança Moderna”, como convidado especial. A coreografia é do artista, professor e coreógrafo Paco Gomes.
Valor: R$ 30 (inteira) R$ 15 (meia).
 
SERVIÇO:
Evento:          Encontro Cênico Musical Griôs Ubuntu
Data:              04 de Novembro de 2017
Local:                         SESC/SENAC Pelourinho
Produção:     Projeto Mundo Novo / Grupo Trapos e Cia.
Direção Geral: Solange Simões
 

Bloco Alvorada inicia Carnaval 2018 com samba, caruru e promoção!


caruru_bloco_alvorada

Neste sábado (21), a partir das 16h, o bloco Alvorada dá início aos preparativos da folia do próximo ano com o tradicional caruru, lançamento do tema e do carnê com promoção, além da exposição Pilares de Matriz Africana. O evento que reúne gastronomia, música, dança e artesanato será na Casa de Angola, localizada na Praça dos Veteranos, Barroquinha. O ingresso custa R$ 10 (preço único) e será vendido na entrada da festa.

Agradecendo o ano de atividades que passou e renovando as energias para a próxima temporada até o desfile na Sexta-feira de Carnaval em 2018, o ensaio promete muito samba. E animação será embalada com atrações da ala de canto do bloco como Valdélio França, Negros de Fé, Relicário Samba Meu e Marco Poca Olho.

Além de curtir o melhor do samba, os associados já poderão garantir a fantasia para o próximo ano com promoção. Quem adquirir o carnê da promoção ‘No escuro’ – sem a confirmação de todas as atrações – pode dividir o valor de R$ 150, em até cinco vezes, mas a oportunidade é por tempo limitado. A fantasia está à venda nos balcões de ingressos de todos os shoppings.  Os interessados também encontram o  Alvorada na internet pelo site www.alvorada.org.br . Mais informações: 3322 3684 ou 3321 3675.

caruru_bloco_alvorada

Histórico :

Criado em 1975, por jovens estudantes do Colégio Severino Vieira, o bloco é um dos patrimônios culturais da Bahia e o mais antigo bloco de samba a desfilar no carnaval da cidade. Como o primeiro bloco dedicado exclusivamente ao samba, desde 1975 tem contribuído para a permanência do ritmo na programação do carnaval, além de estimular o surgimento de outras agremiações, priorizando os artistas da terra.

SERVIÇO

O que: Exposição Pilares de Matriz Africana, samba e distribuição de caruru

Quando:  21 de outubro, sábado

Atrações: Relicário Samba Meu, Negros de Fé, Valdélio França e Marco Poca Olho.

Horário: 16h

Local: Casa de Angola, Praça dos Veteranos, Barroquinha

Ingresso: R$ 10

Fotos: Fafá Araújo