Encontro “Circuito Contos e Cantadores” homenageia legado do Mestre Gato Preto em Salvador!


Mestre_GatoPreto
Mestre Gato Preto

 

A partir do próximo dia 18 (sábado), Salvador recebe projeto inédito de resgate à memória musical e lúdica da capoeira a partir da valorização da oralidade de mestres dessa arte. O Circuito Contos e Cantadores acontece em quatro datas em diferentes museus da cidade

Contos e Cantadores tem sua estréia no dia 18, sábado, 11h, no Solar Ferrão, quando a programação tem como tema “Homenagem a Gato Preto” e reúne os mestres Góes e Zeca – filhos do homenageado -, Mestre Negoativo (BH) e Mestre Plínio (SP) para falar do legado do Mestre Gato Preto, nascido em 1929 em Santo Amaro (BA) – ,um dos maiores mestres tocadores de berimbau da história da capoeira no Brasil, falecido em 2002. O circuito volta a acontecer no dia 1° de setembro, no Museu Udo Knoff; 26 de outubro, no Museu Tempostal, e 18 de novembro, no Museu Rodin.

Entre os mestres de capoeira que terão seu legado musical visitado pelo circuito Contos e Cantadores também estão Waldemar, Mestre Bimba e João Pequeno. Em cada encontro, outros mestres, historiadores e músicos estarão dedicados a trazer à tona a ancestralidade que costura a tradição da capoeira através da música. Ao fim de cada sessão, o bate papo será aberto para o público dar sua contribuição e tirar dúvidas. Cada encontro terá uma temática e duração de 90 minutos.

O projeto tem realização assinada pelo Projeto Mandinga e Aú Marketing com Propósito e apoio financeiro do Governo do Estado da Bahia através do Fundo de Cultura – Setorial de Museus, Secretaria da Fazenda e Secretaria de Cultura da Bahia.

SERVIÇO:

Contos e Cantadores – 1° encontro

Quando: 18 de agosto (sábado)

Horário: 11h

Onde: Centro Cultural Solar Ferrão – R. Maciel de Baixo, 43 – Pelourinho

Entrada franca