Festival “A Cena Tá Preta” leva artes negras ao Vila Velha este mês!


Larissa Luz_Territorio Conquistado_festival_cena_ta_preta
Foto Juan Rodriguez

Em outubro acontece em Salvador a VIII edição do Festival A Cena Tá Preta, realizado pelo Bando de Teatro Olodum. Serão dez dias de programação (de 13 a 22 de outubro de 2017), reunindo no Teatro Vila Velha artistas da música, literatura, teatro, dança, moda, cinema e performance.

As mulheres serão maioria na programação do Festival, desde a abertura no dia 13 de outubro, 20h, que terá a jornalista e youtuber Maíra Azevedo, apresentando ‘De Cara com Tia Má’ criado especialmente para a ocasião, abordando de forma bem humorada questões afetivas e políticas do cotidiano das mulheres negras.

Outro sucesso do YouTube que integrará o Festival é o ator Sulivã Bispo do popular ‘Frases de Mainha’, que apresentará o elogiado monólogo ‘Kaiala’ (20/10, 20h), evidenciando as questões religiosas que envolvem as mulheres negras.Para quem tem interesse em adentrar o universo das mídias digitais com engajamento a oportunidade é participar da Oficina Estratégias Criativas para YouTube (21/10, 9h às 12h) com Murilo Araújo, que compartilhará suas experiências no canal ‘Muro Pequeno’., com mais de 80 mil seguidores.

Arielle_Macedo_festival_acena_ta_preta_bando_teatro_olodum

Entre as oficinas que serão oferecidas gratuitamente durante o Festival A Cena Tá Preta está ‘Heels Class’ (18/10, 9h às 12h) de como arrasar na dança em cima de um salto alto, ministrada pela bailarina e coreógrafa Arielle Macedo do Rio de Janeiro, que integra o time de dançarinas dos shows e clipes da cantora Anitta e também do seriado Mister Brau (Rede Globo).

De Pernambuco vem o ator e diretor Samuel Santos, que apresentará na oficina O ator total: o corpo ancestral, uma atividade de treinamento para o ator pela prática com exercícios que acionam o corpo a pensar a interpretação, dia 14/10, 9h às 12h.

As oficinas possuem vagas limitadas e as inscrições já podem ser realizadas por meio do formulário:  Clique aqui

Os talentos do Bando de Teatro Olodum também estarão em cena com: o infantil Áfricas (Dia 15, 11h), a oficina Cena Sonora com Jarbas Bittencourt (Dia 14/10, 9h às 12h), o humor crítico de Érico Brás e Kênia Maria no stand up Double Black; lançamento do livroCalu, a menina cheia de histórias (Editora Malê), de Cássia Vale e Luciana Palmeira (Dia 22, 11h); leitura dramática de um texto inédito de Lázaro Ramos, “Gusmão – o coelho que queria mais” (Dia 17, 19h); e o espetáculo “O Corpo na Cena”, dirigido pelo coreógrafo Zebrinha com dança, música, canto lírico e desfile de modelos trans (Dia 19, 19h).

 TEM MUITO MAIS: R$ 20 e R$ 10 (meia)

 

Dia 14/10 // sábado // 20h

Teatro Mundaréu, solo de Thiago Romero

R$ 20 e R$ 10 (meia)

Dia 15/10 // domingo // 19h

Música Território Conquistado, show de Larissa Luz

R$ 20 e R$ 10 (meia)

Dia 16/10 // segunda-feira // 9h

Palestra O Negro no Audiovisual, com os cineastas Thamires Vieira e Antônio Olavo

Gratuita

Dia 16/10 // segunda-feira // 19h

Cinema Exibição do filme Travessias Negras, de Antonio Olavo (2017)

Gratuita

Dia 17/10 // terça-feira // 19h

Leitura dramática do texto Libertè, de Elísio Lopes Jr., com Valdinéia Soriano e Lúcio Tranchesi, direção de Ridson Reis

Gratuita

Dia 18/10 // quarta-feira // 19h

Performance Mulheres do Àse – Uma performance ritual, roteiro e direção de Edileusa Santos; com Fátima Carvalho, Sueli Ramos, Tânia Bispo e Sandra Santana

R$ 20 e R$ 10 (meia)

Dia 22/10 // domingo // 11h

Teatro Áfricas, espetáculo infantil do Bando de Teatro Olodum

R$ 20 e R$ 10 (meia)

Dia 22/10 // domingo // 19h

Música Luedji Luna no show Cais e Sais

R$ 20 e R$ 10 (meia)

Saiba muito mais da programação no site do Vila Velha.