II Marcha INCOMODE no Lobato pautará genocídio, feminicídio, lgbtfobia, intolerância religiosa e encarceramento!


movimentos negros

A II Marcha INCOMODE – “Contra o Genocídio, o extermínio, o feminicídio, a Lgbtfobia, a intolerância religiosa e o encarceramento em massa da Juventude Negra” ocorrerá no dia 18 de junho a partir das 14h. A Marcha sairá do bairro do Lobato – considerado como um dos mais violentos segundo a Secretaria de Segurança Pública do estado da Bahia – até o Parque São Bartolomeu – que integra a história de resistência e luta da população negra e feminina na Bahia. Esta II Marcha INCOMODE é uma ação focal que busca agregar diversas bandeiras de luta, além de assistir jovens, mulheres e seus familiares atingidos pelo Estado Brasileiro.

A Marcha será finalizada com o Sarau Poético com artistas e poetas locais, especialmente do movimento Hip Hop.  

ESTATÍSTICAS

Dados sobre violência e vulnerabilidade social apontam a população negra como o principal público do descaso e das violências correlatas do racismo e da desigualdade social. O Brasil ocupa a 4° posição mundial de população carcerária no mundo segundo os dados do INFOPEN. Nas últimas décadas, a população prisional no Brasil cresceu 74% – sendo metade dela composta por jovens negros de até 29 anos de idade. Na Bahia, a situação não é diferente, o número total de pessoas encarceradas hoje no estado é de 13.822, enquanto o número de vagas disponíveis não passa de 10.848.

Não obstante, os dados sobre violência de gênero no Brasil, a cada dia mais crescente, possuímos o quinto maior ranking mundial de feminicídio, sendo que uma mulher é morta a cada 2 horas. Segundo dados da ONU MULHER, de 2017 ao ano de 2018 houve ainda um aumento no número de registros de feminicídio, ou seja, de casos em que mulheres foram mortas em crimes de ódio motivados pela condição de gênero. Foram 1.173 no ano passado, ante 1.047 em 2017.

 

A concentração da Marcha será na Cesta do Povo (Rua Jacarandá dos Joanes),Lobato, às 14h.