Rei de Ifé convida Povo de Santo para Solenidade de Doação da Estátua de Odùdúwà!


Adeyeye Enitan Babatunde Ogunwusi Ojaja II
Adeyeye Enitan Babatunde Ogunwusi Ojaja II

 

Considerado o maior representante dos yorubás no mundo, o rei de Ifé, Adeyeye Enitan Babatunde Ogunwusi Ojaja II, descendente direto de Odùdúwà, virá a Salvador para estreitar laços com religiosos de matrizes africanas. O rei detém o poder da coroa de Odùdúwà e chega primeiro à Bahia para declarar o estado como capital yorubá das Américas.

Sua chegada ao Brasil se dá com o mesmo objetivo de estreitar os laços culturais e religiosos entre os afrodescendentes do povo yorubá, em particular, com o povo de Ilé Ifẹ̀. Para tanto, neste domingo (10), o rei convida o Povo de Santo de Salvador para a Solenidade de Doação da Estátua de Odùdúwà pelo Ooni à capital e apresentação do “Diálogo dos Tambores África-Bahia”, com percussão nigeriana. A Cerimônia acontecerá no Espaço cultural da Barroquinha.

 

PROGRAMAÇÃO OFICIAL

Dia 07 (quinta-feira)

8H30 – Ritual simbólico da benção da terra baiana e apaziguamento das almas dos negros escravizados com participação das autoridades cívicas e das comunidades de candomblé, na *Avenida Lafayete Coutinho – Comércio (Praia ao lado do Restaurante Amado)

10h30 – Solenidade de Declaração da Bahia como Capital Yorubá das Américas

15h30 – Assinatura do Memorando do Protocolo de cooperação entre as culturas iorubana e brasileira – Salão Nobre da Câmara Municipal de Salvador (Praça da Sé)

Dia 8 (sexta-feira)

14h00 – Colóquio Internacional Odùdúwà – Língua, Literatura e Epistemologias Iorubanas –  Auditório da Faculdade de Medicina da UFBA (Terreiro de Jesus- Pelourinho)

Dia 09 (sábado)

10h às 12h – Visita ao Santuário Pedra de Xangô, onde será erguida a estátua de Odùdúwà para povo de candomblé  – Cajazeiras

Dia 10 (Domingo)

9h às 12h – Solene do Ooni de Ifé para Povo de Santo e comunidade baiana no “Diálogo dos Tambores com África-Bahia” – Espaço culturalmente da Barroquinha