Thiago Romero estreia espetáculo “Desviante” este mês!


Thiago Romero - Foto Diney Araújo
Thiago Romero – Foto Diney Araújo

Com texto inédito escrito por Daniel Arcades, o diretor Thiago Romero estreia Desviante, que fica em cartaz nos dias 22, 23, 29 e 30 de setembro, às 19h, no Teatro Gregório de Matos. O espetáculo, que tem números musicais e coreográficos, tem como inspiração os movimentos artísticos e culturais dos anos 60 e 70 e o período de ditadura militar no Brasil.

A proposta divide o grupo e instala provocações políticas jamais pensadas naquelas pessoas que até então tinham convicções de que sabiam quais eram os seus ideais. Sair do Brasil em um momento onde é tão necessário ficar e lutar seria fugir da luta ou expandir suas ideias? Com tantos artistas exilados na Europa, seguir como convidado para lá seria uma boa ideia?

O espectador acompanha a noite em que este grupo necessita definir como será o próximo semestre em um momento onde as pessoas não sabiam se estariam vivas nos próximos dias. A ideia do espetáculo é promover um debate entre Homossexualidade, Teatro e Ditadura Militar. “Desviante é um espelho que se reflete um passado tão semelhante aos tempos atuais”, declara Romero.

THIAGO_ROMERO_ESPETACULO_DE_TEATRO_DESVIANTE (2)
Gleison Richelle, Fábio Nascimento, Caique Copque, Rafael Brito e Antenor Azevedo- Diney Aráujo

“Desviante é uma história datada, mas que traz uma grande proposta de reflexão sobre o papel de nós artistas nessas revoluções sociais, sobre o que queremos e devemos dizer/fazer. É um chamado para estarmos em constante alerta, que qualquer deslize parece que a história vai se repetir e o quanto perigoso é não cuidar disso. No espetáculo, estamos falando de uma história da década de 1970 que parece ser 2015”, diz Daniel Arcades.

 

THIAGO_ROMERO_ESPETACULO_DE_TEATRO_DESVIANTE (3)
Antenor Azevedo, Thiago Almasy e Rafael Brito – Diney Aráujo

 

Desviante tem como pano de fundo o período da ditadura no Brasil, um período que era invisível as discussões de gênero, ao mesmo tempo que surgiram movimentos e grupos muito importantes para o país como os Dzi Croquettes, o Vivencial e o movimento tropicalista, que eram chamados da “Geração do Desbunde”.

Faz parte de uma pesquisa de Thiago Romero em debater a homossexualidade pelo viés do teatro. “Essa pesquisa surgiu em 2014 quando tive contato com o livro Devassos no Paraíso, do João Silvério Trevisan. Na época, estava montando Revelo e naturalmente foi se tornando o gancho do meu trabalho em teatro que seria busca da construção de uma identidade gay em paralelo a uma identidade brasileira que muito tem no livro e assim foi nos espetáculos que criei Revelo, Rebola, Delicado, Anoitecidas”.

Serviço

O quê: Desviante – direção de Thiago Romero

Quando: 22, 23, 29 e 30 de setembro, às 19h

Onde: Teatro Gregório de Matos – Praça Castro Alves, s/n – Centro

Ingresso: R$ 20 (inteira) e R$ 10 (meia)