Unegro convida cientista Joana D’Arc Félix de Sousa para debate sobre insurgências acadêmicas!


Joana D'Arc Félix de Sousa.

A União de Negras e Negros pela Igualdade (Unegro) promove nesta quarta-feira (31), às 17h, o debate “Insurgências das Mulheres Negras na Academia: reinventando saberes, ressignificando olhares”. A atividade, aberta ao público, acontece no Centro de Cultura da Câmara Municipal de Salvador, com a participação da professora e cientista Joana D’Arc Félix de Sousa.

 

O objetivo é apresentar as trajetórias de mulheres negras que atuam no ensino superior, buscando analisar o processo de constituição identitária e as situações de preconceito e discriminação, por questões de gênero raça e classe, vivenciadas pelas docentes.

Formada em Química, com graduação, mestrado, doutorado e pós-doutorado pela Universidade Estadual de Campinas (Unicamp), Joana D’Arc coordena e desenvolve projetos de pesquisas na área de resíduos sólidos. Por suas atividades acadêmicas, já foi agraciada com 108 prêmios nacionais e internacionais. Atualmente, é coordenadora e professora do curso técnico em Curtimento da Escola Técnica Estadual Professor Carmelino Corrêa Júnior (Centro Paula Souza), em Franca, no interior de São Paulo, e atua como docente dos cursos técnicos em Biotecnologia e Meio Ambiente da mesma instituição.

SERVIÇO

O que: debate “Insurgências das Mulheres Negras na Academia: reinventando saberes, ressignificando olhares”

Quando: 31/7, 17h

Onde: Centro de Cultura da Câmara Municipal de Salvador