Connect with us

Audiovisual

Minissérie “Travessias Negras” pauta cotistas da UFBA e será lançada em Salvador!

Jamile Menezes

Publicado

on

Travessias Negras
Travessias Negras
Como as Políticas de Cotas transformaram as vidas de jovens negros e negras? Já parou pra pensar como é o dia a dia destes jovens que chegaram lá?! Em tempos de retrocessos e perdas de direitos conquistas pela luta negra em todo país, estes relatos trazem a certeza da necessidade de reparação e de que a única coisa que separa estes jovens de outros não-negros, é a oportunidade.
É isso que traz a minissérie documental “Travessias Negras” que, em cinco episódios, narra a trajetória de vida de quatro jovens negras/negros, moradores da periferia de Salvador (BA), que através das Cotas ingressaram na Universidade Federal da Bahia. E em cursos ditos de prestígio social: Comunicação, Medicina, Letras e Direito. São eles:

Daiane Rosário (Comunicação), Andre Luís Melo (Medicina), Hilmara Bitencurt (Letras) e Vitor Marques ( Direito). 

Atualmente, estes jovens estão vivenciando um processo inusitado como protagonistas de um movimento rompedor de barreiras históricas que bloquearam o acesso da juventude negra ao ensino superior no Brasil, estágio escolar tradicionalmente marcado pela sub-representação da população negra.
Travessias Negras
Dirigida por Antonio Olavo, a série “Travessias Negras” será lançada no dia 24 de agosto (quinta-feira), às 18h30 no Teatro ISBA (Ondina), com entrada aberta ao público. Conversamos com Antonio Olavo sobre esta produção, veja:
Portal Soteropreta – Como surgiu a ideia do doc e qual a importância dele no cenário atual de retrocessos?
Antonio Olavo – Dentro de uma linha natural de trabalhos da PORTFOLIUM, que agora em 2017 completa 25 anos dedicada a projetos que contribuem com a valorização da memória negra, na Bahia e no Brasil. Ele foi materializado graças ao Edital PRODAV 09 de 2015 promovido pela Agencia Nacional de Cinema – ANCINE, que selecionou seis obras audiovisuais no Nordeste e a nossa foi uma delas. Seu lançamento ocorre em um momento político muito peculiar onde efetivamente nos deparamos com um cenário nacional de extinção e questionamentos de conquistas sociais, ao tempo em que vejo também como um período desafiador em que colocaremos em teste nossa capacidade de indignação e reação. Então, Travessias Negras faz parte de um processo mais geral de posicionamento, de assumir lado, tomar partido. Em nosso caso, isso se efetiva com a criação de obras cujos conteúdos se colocam explicitamente em prol de uma sociedade democrática justa e diversa e isso somente será possível sem preconceito, sem racismo.
Travessias Negras

Portal Soteropreta – Quais são os planos para este documentário? Exibição, distribuição?

Antonio Olavo – A série foi produzida para, inicialmente, ser exibida na grande rede de televisão pública no Brasil, que é composta das televisões educativas, comunitárias, universitárias e culturais, e isso soma aproximadamente 235 emissoras em todo o Brasil. Posteriormente, ela irá circular em outras janelas importantes como Video sob demanda, TVs pagas entre outras. Mas eu quero mesmo é que as pessoas, principalmente os adolescentes e jovens negras e negros, se identifiquem, tomem conta e traga para si essa condição de ter o seu domínio sobre a série, exercendo também a cumplicidade com a sua veiculação. Eu quero que esses jovens se reconheçam nas histórias narradas e pensem: “me representa”. Tem sido assim com as outras obras anteriores da PORTFOLIUM e assim será com Travessias Negras.

Fotos: Divulgação

Audiovisual

Artista do Nordeste de Amaralina é lançado pelo Favellê Music

Amanda Moreno

Publicado

on

Artista do Nordeste de Amaralina
Artista do Nordeste de Amaralina (Foto: Bruno Mocottó)

Artista do Nordeste de Amaralina é lançado pelo Favellê Music.  É do Nordeste de Amaralina que sai  o novo lançamento do Favellê Music, selo que aposta no lançamento de conteúdos audiovisuais de artistas das periferias de Salvador.

“Resistência e Poder” é o nome da música interpretada por Moura X e que tem sua célula embrionária conectada a Marivaldo (idealizador do Favellê e que assina a composição da música junto com Moura X). Ouça em https://ingrv.es/resistencia-e-poder-nmc-7 e assista em https://www.youtube.com/watch?v=mDo_hFNbFtc.

A parceria de Moura X e Marivaldo é inspirada na pauta racial, um convite à união na luta contra o racismo e à reflexão sobre o tema.

“A gente se dedicou ao máximo para fazer algo realmente fantástico e impactante, onde as pessoas consigam entender a mensagem da música. Em alguns momentos é uma mensagem triste, porém fala sobre a realidade, além de ser a mão que levanta a cabeça do meu povo, para aqueles que se encontram tristes e desanimados. O intuito maior é salvar vidas, mudar mentes, quero ser o despertar. Tudo começa agora com resistência e poder”, fala Moura.

Favellê Music

O novo selo musical nasceu em Salvador já reunindo gigantes da música brasileira. “Favellê Music” é do multi-instrumentista baiano Marivaldo dos Santos, e firmou uma parceria com a Virgin Music Group – divisão da Universal Music, principal parceiro mundial de selos e artistas independentes – e Nas Nuvens Catalog, uma empresa brasileira independente líder na gestão e aquisição de catálogos musicais, que tem como presidente um dos mais consagrados produtores musicais do país, Liminha.

Marivaldo dos Santos é músico, produtor musical, nascido e criado nas periferias de Salvador (BA). Hoje, vive na ponte-aérea entre Brasil e Nova York, onde reside há mais de 20 anos. Ao longo de sua carreira realizou trabalhos com artistas como STING, Lauryn Hill, Fugees, Joshua Bell, Ceelo Green e muitos outros. Atualmente, está terminando a produção do filme “Música”, pela AMAZON USA, como diretor musical e performático ao lado de Rudy Mancuso.

Veja mais informações em https://www.instagram.com/favellemusic/.

Continue Reading

Audiovisual

Tia Má dubla personagem em série de animação

Amanda Moreno

Publicado

on

Tia Má dubla personagem
Tia Má dubla personagem

Tia Má dubla personagem em série na segunda temporada da animação “Aventuras de Amí”, emprestando sua voz à personagem Dora, mãe da protagonista, uma menina de 8 anos, que usa a imaginação para lidar com os desafios do dia a dia ao lado do cachorro Balú e do amigo Tim.

A série baiana é produzida pela Lanterninha Produções, com co-produção da Movioca Content House. Em exibição no Canal Futura, TV Rá Tim Bum e Globoplay, o desenho retrata o processo de crescimento das crianças, abordando os ritos de pass.agem e a dificuldade em lidar com novas responsabilidades.

“É incrível trabalhar para o público infantil. E mesmo no papel de mãe, é voltar a ser criança um pouco. Ao mesmo tempo, sinto como se fosse uma vitória. É ter um produto que minha filha pode me assistir e me reconhecer e se reconhecer”, comemora.

Aos 43 anos, a artista, jornalista e escritora Maíra Cristina Dias Azevedo desponta em uma carreira promissora na TV e no streaming. Conhecida como Tia Má, ela soma mais de um milhão de seguidores em suas redes sociais. Somente em 2023, a artista participou de sete produções audiovisuais.

Além de Tia Má dubla personagem em série de animação “Aventuras de Amí”, Maíra compôs o elenco de “Humor Negro” e fez uma participação especial em “Dra Darci”, ambos humorísticos do Multishow; ela viveu a Carol, em “Rensga Hits!”, da Globoplay, na segunda e terceira temporada; interpretou Trombeta, mãe de Mia, a protagonista de “O Dia em que a Minha Vida Mudou”, do Gloob; e atuou em “Toda Família Tem”, da Prime Video, como Deise.

Continue Reading

Audiovisual

Carnaval da Bahia 2024 – 50 anos dos Blocos Afro

Jamile Menezes

Publicado

on

Continue Reading
Advertisement
Vídeo Sem Som

EM ALTA