Connect with us

Diversão

Encantos pro Mar terá atrações pretas na Ribeira

Jamile Menezes

Publicado

on

Encantos pro Mar terá Jann Souza

No dia 3 de fevereiro (sábado), a partir das 16h, as ruas da Ribeira terão atração cultural e gratuita com a primeira edição do evento Encantos pro Mar. A data de 3 de fevereiro foi escolhida como uma extensão da festa de Iemanjá.

Participam da edição de estreia os artistas baianos Jann Souza, Maya, Samba do Pretinho e DJ Belle. O projeto Encantos Pro Mar foi contemplado pelo edital Territórios Criativos, com recursos financeiros da Fundação Gregório de Mattos, Secretaria Municipal de Cultura e Turismo, Prefeitura de Salvador e da Lei Paulo Gustavo, Ministério da Cultura e Governo Federal.

Entre as atrações confirmadas no Encantos pro Mar, Jann Souza é uma mulher negra, cantora, compositora e musicista da Nova MPB, que tem o ukulele e o Foot Drum (bateria) como principais parceiros para acompanhar suas apresentações em formato solo. Já Maya, dona de uma voz marcante, é uma artista que consegue passear por todas as vertentes da black music, mesclando entre R&B, Trap, Pop e o Pago Trap, pelos quais apresenta seus versos certeiros e temperados com beats contemporâneos, urbanos e diaspóricos, baseados em um discurso forte sobre suas vivências enquanto mulher preta.

Com 10 anos de estrada, a banda O Pretinho, da produtora Brilho Estrelar, é formada por Junior Black no vocal, Ivan no cavaquinho, Michael no violão, Mário e Júnior na percussão e Marcílio na bateria. Seu trabalho se caracteriza pela mistura de ritmos, como MPB, Sertanejo, Forró e Axé, embora o gênero primordial seja o samba.

E o Encantos pro Mar ainda vai ter o line-up da DJ Belle, que traz consigo a essência de onde nasceu, o subúrbio ferroviário de Salvador. Integrante do Selo Nsabas, que procura potencializar a produção artística feminina da Bahia, e do Coletivo Hip Hop Pernambués, ela consegue, através da música e cultura, produzir ações beneficentes na comunidade, além de auxiliar no processo de ressocialização por meio do projeto Ressocializando Arte e Cultura nas penitenciárias do estado.

SERVIÇO:

Encantos pro Mar – 1ª Edição

Onde: Avenida Beira Mar, Ribeira, Salvador (próximo ao Bar da Torre)

Quando: 3 de fevereiro (sábado), a partir 16h

Entrada Gratuita (evento de rua)

Continue Reading
Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Diversão

Associação Cultural realiza II Arraiá Reggae gratuito no Pelourinho

Jamile Menezes

Publicado

on

Arraiá Reggae

É São João, mas os amantes do reggae também serão contemplados. Pela segunda vez, será realizado o Arraiá Reggae, com atrações diversas. A Praça Jubiabá, no Pelourinho, será o local do evento que acontece de 22 a 24 de junho, aberto ao público.

Realizado pela Associação Cultural Aspiral do Reggae, o Arraiá Reggae terá um espaço montado e estruturado com barracas de comidas e bebidas típicas à venda, além de brinquedos para diversão de crianças. O espaço será coberto. A programação acontece das 18h às 23h30, todos os dias, com muito reggae e música eletrônica, em homenagem a Luiz Gonzaga.

“Esse é um projeto muito importante para o movimento reggae, tendo em vista que nessa época do ano existe um ritmo predominante que é o forró. Os amantes do reggae no período junino não tinham perspectiva de um evento voltado para o gênero, e agora temos três dias de Arraiá, em sua segunda edição”, diz Ras Peu, Dj que se apresentará no Arraiá.

Na programação, terão nomes como Dj Tau, Reverberação, Gil Felix e Banda, Dj Tau, Dj Ras Peu, Jô Kallado, Luis Cardoso e banda Celebration, Kamaphew Tawa e banda Aspiral do Reggae, Reinaldo Formigão e Banda Misturekaya, Jhaca Man e Banda os Conscientes, Mukambu e Dj Ras Seles.

II Edição do Arraiá Reggae é uma realização da Associação Cultural Aspiral do Reggae e tem patrocínio da SUFOTUR.

 

 

PROGRAMAÇÃO – 18h às 23h30

 

22/06/24

18:30 – Dj Tau

19:30 –  Reverberação

20:30 – Gil Felix e Banda

21:30 – Jô Kallado e Banda

22:30 –  Dj Tau

 

23/06/2024

18:30 – Dj Ras Peu

19:30 –  Luis Cardoso e banda Celebration

20:30 – Kamaphew Tawa e banda Aspiral do Reggae

21:30 – Reinaldo Formigão e Banda Misturekaya

22:30 –  Dj Ras Peu

 

24/06/2024

18:30 –  Dj Ras Seles

19:30 – Jhaca Man e Banda os Conscientes

20:30 –  Mukambu

21:30 – Dj Ras Seles

 

SERVIÇO

O que: II Arraiá Reggae

Onde: Casa Cultural Reggae (Praça Jubiabá, Pelourinho)

Quando: 22, 23 e 24 de junho, da 18h às 23h30

Quanto: acesso gratuito

 

Continue Reading

Diversão

Arr’Aiyê do mais belo dos belos será dia 16 de junho

Jamile Menezes

Publicado

on

Reconhecido como Patrimônio Cultural de Salvador, o samba junino estará muito bem representado no Arr’Aiyê.

O clima junino está no ar e a Senzala do Barro Preto já começou os preparativos para receber mais uma edição do tradicional Arraiá do bloco afro Ilê Aiyê, no dia 16 de junho (domingo), a partir das 15h. O Arr’Aiyê do mais belo dos belos promete uma super celebração rítmica com o melhor da música popular nordestina, incluindo arrasta-pé, forró, samba, memória, identidade e ancestralidade. Desta vez, a entrada será mediante a doação de 1kg de alimento não perecível, que será enviado para ajudar o programa Bahia Sem Fome.

Os portões abrirão às 15h e o arrasta-pé vai acontecer por horas a fio, pois música boa e dançante é que não vai faltar para isso. São atrações do Arr’Aiyê a banda Chá de Arueira, o arrastão externo de samba junino do Fogueirão, o grupo Samba Tororó, além, claro, da anfitriã Band’Aiyê que, como de costume, vai animar o ambiente com sua percussão e musicalidade afro. Ao som de instrumentos como sanfona, zabumba, guitarra, bateria, baixo e triângulo, a Chá de Arueira vai trazer seus sucessos já consagrados, do forró pé de serra ao universitário.

Reconhecido como Patrimônio Cultural de Salvador, o samba junino estará muito bem representado no Arr’Aiyê. O Fogueirão é conhecido por manter vivo o legado africano na Bahia através da mistura da música percussiva com as manifestações culturais juninas. Já o Samba Tororó participa com seu característico samba duro, gênero de identidade genuinamente soteropolitana.

 

SERVIÇO:

Evento: Arr’Aiyê do Ilê

Data: 16 de junho (domingo)

Horário: 15h às 22h

Abertura dos Portões: 15h

Local: Senzala do Barro Preto, Curuzu – Liberdade

Grade de Atrações:  Band’Aiyê, Chá de Arueira, Fogueirão e Samba Tororó

Acesso: 1kg de alimento não perecível (entrada permitida até a lotação do espaço)

Realização: Entidade Cultural Ilê Aiyê

Continue Reading

Diversão

Escola Olodum promove “Arraiádunzinho” no período junino

Jamile Menezes

Publicado

on

O Arraiádunzinho  da Escola Olodum antecede o Dia Internacional da Criança Africana, que se comemora no dia 16 de junho.

A Escola Olodum está organizando o “Arraiádunzinho” para celebrar o período junino. Com o inspirador tema “O Nordeste é a África”, o evento chega a sua segunda edição. A festa junina infantojuvenil é uma iniciativa do projeto social da Escola Olodum e está marcada para acontecer no dia 15 de junho, das 13h às 17h, no Largo Quincas Berro D’Água, Pelourinho.

O “Arraiádunzinho” antecede o Dia Internacional da Criança Africana, que se comemora no dia 16 de junho. Essa data foi estabelecida após uma manifestação estudantil em Joanesburgo, África do Sul.

O propósito deste evento é resgatar a identidade da criança afrodescendente, promovendo uma atividade educacional e externa que valorize a diversidade cultural. Por meio de práticas significativas e inclusivas, a Escola Olodum busca envolver crianças de todas as idades na tradição junina, contribuindo assim para uma educação antirracista nos campos do conhecimento, da música, da arte e da cultura.

Idealizado pela diretora geral, Linda Rodrigues, o projeto visa estabelecer uma conexão cultural entre o Nordeste brasileiro e a África, proporcionando um “Arraía” único, permeado por influências africanas. Essa integração cultural e educacional destaca a diversidade de nações que compõem tanto o Brasil quanto a África, refletindo-se no corpo docente da instituição.

Continue Reading
Advertisement
Vídeo Sem Som

EM ALTA