Connect with us

Cultura

Bárbara Carine fez noite de autógrafos na Biblioteca Central

Amanda Moreno

Publicado

on

Bárbara Carine fez noite de autógrafos na Biblioteca Central

Bárbara Carine fez noite de autógrafos na Biblioteca Central. A chuva deu uma trégua no final desta quinta-feira (22) para o lançamento de mais um livro da educadora, escritora, pesquisadora e ativista, Bárbara Carine. Intitulado “Querido estudante negro” o evento foi realizado no Quadrilátero da Biblioteca Central, nos Barris. Após o sucesso de “Como ser um educador antirracista”, a ativista compartilha experiências pessoais repletas de tensões sociais e raciais.

No novo livro, Bárbara dialoga com dois estudantes negros que, independente das condições financeiras ou sociais, compartilham as experiências vividas em formato de cartas fictícias. “São histórias de ficção, mas, ao mesmo tempo, as histórias narradas pela jovem negra são todas histórias da minha vida, então, na realidade, é uma ficção que eu diria que é autobiográfica”, contou a educadora e influencer.

Bárbara Carine fez noite de autógrafos na Biblioteca Central

Bárbara Carine fez noite de autógrafos na Biblioteca Central (Foto: Henrique Santos)

Para Daudi Akil, estudante oriundo de escola pública e bolsista em escola particular de salvador, existe uma ansiedade de receber o autógrafo da autora e de ler o livro que segura firme nas mãos. “Já tô muito ansioso para ler esse livro. Eu tenho a certeza que vai ter muita batalha aqui dentro, porque hoje em dia viver numa sociedade dessa forma é horrível. Ser negro já é uma coisa difícil, imagina pra uma mulher negra? Aqui tem parte da história de vida dela, então deve ter sido muita batalha, inclusive, pra publicar o livro”, explicou o jovem estudante.

Com quase 400 mil seguidores nas redes sociais, a intelectual conversou com o público que lotou o Quadrilátero da Biblioteca. Ela explicou que no livro a ideia é mergulhar na complexidade da formação de subjetividades negras e que traz a perspectiva de uma psicopedagogia com leitura racial. Ao final Bárbara contou que já tem outro livro no forno, que parou para escrever “Querido estudante negro”, mas já retomou a escrita. Em breve, mais novidades!

Continue Reading
Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Cultura

Afropunk anuncia pré-venda de ingressos

Jamile Menezes

Publicado

on

No ano em que celebra as duas décadas desde o lançamento do manifesto que deu origem à plataforma e promete uma edição histórica no Brasil com shows exclusivos e encontros emocionantes, o AFROPUNK acaba de firmar uma parceria inédita para as ações ao longo de 2024 no país. O Banco do Brasil será o patrocinador master e apresentará a edição do festival que acontece nos dias 09 e 10 de novembro, no Parque de Exposições de Salvador.

Com isso, clientes da instituição contam com condições especiais na compra de ingressos, com pré-venda exclusiva entre os dias 06 e 10 de maio na plataforma Sympla.

Os ingressos destinados à pré-venda exclusiva somam uma parcela do total de cada área (com exceção do modelo passaporte nas categorias meia e meia social) para clientes da instituição financeira, com limite de 4 ingressos por CPF. A ação contará com desconto de 30% e parcelamento em até 6x sem juros para os clientes Ourocard.

No dia 11 de maio (sábado), abre a venda para o público geral. O desconto, no entanto, seguirá para os clientes do banco, que terão o abatimento de 20% pelo resto do período de vendas em todos os setores, também com exceção para o passaporte nas categorias meia e meia social.

O Afropunk é um dos festivais mais importantes do mundo, principalmente enquanto plataforma da cultura negra. Com início em Nova Iorque, o evento se consagrou nos últimos anos em Salvador.

Continue Reading

Artes

CAIXA Cultural Salvador prorroga exposição Carolinas

Amanda Moreno

Publicado

on

CAIXA Cultural Salvador prorroga exposição Carolinas
CAIXA Cultural Salvador prorroga exposição Carolinas (Foto: Hugo Leo Lourenço)

CAIXA Cultural Salvador prorroga exposição Carolinas, que está em cartaz desde o dia 2º de março e poderá ser visitada até o dia 12 de maio de 2024. A mostra é uma homenagem à Carolina Maria de Jesus – considerada uma das mais relevantes artistas e escritoras do Brasil – e traz 15 artistas negras baianas, de diversas expressões artísticas, para retratar a influência de Carolina Maria de Jesus em suas obras em diferentes técnicas, como: instalações, pinturas, fotografias, esculturas, cerâmicas, bordados, slam e vídeo-performance.

Sob a realização da Via Press Comunicação e patrocínio da CAIXA e Governo Federal, a expografia é assinada por Ana Kalil e Andressa Monique, a identidade visual é assinada por Aju Paraguassu e a curadoria é da cineasta, editora de livros e gestora cultural, Cintia Maria que também é diretora do Museu Nacional da Cultura afro-brasileira. As “Carolinas contemporâneas” convidadas são: A Deusa, Aline Brune, Andressa Monique, Ani Ganzala, Annia Rízia, Iyá Boaventura, Junaica Nunes, Kin Bissents, Luisa Magaly, Milena Ferreira, NegaFya, Sta Ananda, Tina Melo, Yasmin Nogueira e Yedamaria.

A exposição é inspirada nas obras “Quarto de Despejo: Diário de uma Favelada” e “Casa de Alvenaria: Osasco e Santana”. Os visitantes vão se deparar com diversos temas presentes no trabalho de Carolina de Jesus, como racismo, desigualdade social, empoderamento feminino, vida comunitária e a busca por dignidade e justiça social. Os trabalhos convidam o público a refletir sobre essas questões e se inspirar na força e na coragem dessa mulher.

 

Serviço:

Exposição Carolinas na Caixa Cultural Salvador

 

Local: CAIXA Cultural Salvador, Rua Carlos Gomes 57, Centro

Visitação: Até o dia 12 de maio de 2024 – terça a domingo, das 9h às 17h30

Classificação indicativa: Livre

Entrada Franca

Acesso às pessoas com deficiência

Informações: (71) 3421-4200 | Site da CAIXA Cultural | Instagram: @CAIXACulturalSalvador e @exposiçãocarolinas

Continue Reading

Cultura

Rolezinho Imune Salvador promove encontro nesta quinta-feira (25)

Amanda Moreno

Publicado

on

Rolezinho Imune Salvador promove encontro nesta quinta-feira (25)
Rolezinho Imune Salvador promove encontro nesta quinta-feira (25) (Foto: Divulgação)

Rolezinho Imune Salvador promove encontro nesta quinta-feira (25). Diretamente do estado de Minas Gerais, o Rolezinho Imune chega à Salvador, na próxima quinta-feira, 25 de abril e promove encontro entre as duas culturas. O projeto circula diferentes capitais brasileiras mapeando artistas da cena para o conjunto de atividades do Festival Imune, que acontece ao longo 2024

O Rolezinho Imune edição Salvador acontecerá na Casa do HipHop (Pelourinho), a partir das 19h e a entrada é gratuita. A noite será marcada pelos shows pockets das artistas mineiras Iza Sabino, Bia Nogueira e Cleópatra. Além disto, “Rolezinho Imune edição Salvador” também apresenta três artistas locais:  EHLY, Fashion Piva e Oderiê. Todas os três foram selecionados a partir do chamamento realizado pelo projeto.

EHLY é uma cantora LGBTQI+ negra, residente no Nordeste de Amaralina e conhecida pela sua voz potente e suave. Ela se destaca ao explorar temas de afetos e desafetos, refletindo sobre a complexidade dos sentimentos da vida e do entorno. Já Oderiê é indígena Cha-yúa, cantore, produtore musical y visual, dj, artista multimídia, não-binárie e atua ativando sua cultura e ancestralidade para além do imaginário sobre o que é ser uma pessoa indígena e em contexto urbano.

Outro nome confirmado é Fashion Piva, cantor baiano, precursor da vertente Trap dentro da capital baiana, além de ser conhecido pelo single “Mete Dança. “Minha expectativa é muito grande, estou ansioso e organizado da espera deste evento, e muito feliz de ter sido selecionado. Quero muito que chegue logo o dia 25”, comenta o baiano sobre a sua expectativa. Fashion ainda ressalta “vou fazer um show de lançamento, que se chama trap pagodão hit. Ele tem é tudo a ver com projeto, pois é um EP que potencializa a música periférica e casa perfeitamente com contexto do evento”.

“Rolezinho Imune” é realizado pelo Coletivo Imune, grupo de artistas responsável por uma das principais plataformas de fomento da música negra em Minas Gerais, o “Festival Imune”. A edição Salvador conta com a parceria da FavelaCult – produtora de experiências criativas e de comunicação que potencializa profissionais periféricos, contando com a produção de Tulani Nascimento.

O projeto também visa compartilhar a experiência do Coletivo Imune, a partir do workshop “A força do Coletivo para desenvolver carreiras individuais”. A formação terá duração de quatro horas e é destinada aos jovens, a partir de uma imersão que proporciona a reflexão sobre os desafios de estabelecer uma carreira independente.

SOBRE ROLEZINHO IMUNE O Coletivo Imune possui um repertório autoral inspirado nas culturas negras brasileiras, tendo como ponto de partida afetos, ancestralidade e empoderamento, dialogando com o pop, o rap, a canção brasileira e o afrofuturismo.

O “Rolezinho” dá início à curadoria de artistas, em diferentes capitais, para o “Festival Imune” e para a “SEMPRE – Semana da Música”, sua feira voltada para negócios do mercado, este ano agendada para os meses de agosto e novembro. As atividades de 2024 contam com o patrocínio da Buser, do Fundo Bora Cultura Preta da Ambev e da Funarte.

“’Rolezinho’ é uma forma do Coletivo Imune se aproximar e conhecer os artistas que estão em diferentes cantos do Brasil e só é possível por conta do patrocínio que conseguimos da Ambev e da Funarte e, em especial, da Buser que se estabeleceu desde 2023 como importante parceira na vontade de conectar a música brasileira de diversos territórios, contribuindo assim com uma enorme dor do mercado, a logística”, ressalta Bia Nogueira.

SERVIÇO:

Rolezinho Imune edição Salvador

Quinta-feira, 25 de abril

Na Casa do Hip Hop (Pelourinho) / Salvador-Bahia

Com Iza Sabino, Bia Nogueira e Cleópatra

Continue Reading
Advertisement
Vídeo Sem Som

EM ALTA