COOXIA Coletivo Teatral apresenta espetáculo infanto-juvenil Zumbindo


ZUMBINDO-TEATRO-NEGRO
Foto – Diney Araújo

De 28 de maio a 6 de junho, estará em cartaz virtual o espetáculo infanto-juvenil Zumbindo, do COOXIA Coletivo Teatral, que traz um elo entre o fictício quilombo urbano do Ferreiro ao real Quilombo dos Palmares, em Alagoas. O espetáculo poderá ser visto no canal do grupo no YouTube, com acessibilidade em libras voltada a surdos e mudos.

A peça traz o encantamento e a contemplação da cultura Iorubá e aspectos da tradição Bantu a partir da trajetória de Flor, uma menina negra, tal qual Dandara, que conhece Palmares através das histórias contadas por sua mãe. Através da ludicidade e do saber compartilhado, a protagonista da história transforma o guerreiro Zumbi no seu amigo imaginário.

O espetáculo é composto pelos atores e atrizes são Larissa Libório, Leno Sacramento, Denise Correia, Igor Nascimento, Natalie Souza e Sidnaldo Lopes. A assistência de direção, conta com Letícia Aranha e Lucas Oliveira. Na ficha técnica de Zumbindo estão ainda nomes como Ray Gouveia e Felipe Pires, que comandam a Direção Musical; Erick Saboya e Jéssica Marques, à frente do Cenário; enquanto Diego Moreno elabora a Programação Visual e  Diney Araújo comanda a fotografia. O texto Denisson Palumbo e Guilherme Hunder.

Serviço

O quê: Espetáculo infantil – “Zumbindo”

Quando: disponível a partir das 19h do dia 28 de maio até 06 de Junho – sessões com acessibilidade

Onde: Canal do COOXIA Coletivo Teatral no YouTube (ACESSE AQUI).

Quanto: Gratuito

Arte Sintonia Companhia de Teatro lança montagem “Xô Xuá – Um Samba para Riachão”


 

Xô Xuá – Um Samba para Riachão é a mais nova montagem da Arte Sintonia Companhia de Teatro e tem estreia marcada para o dia 13 de maio na plataforma Sympla. Com ingressos a preços populares, o espetáculo ficará em cartaz até o dia 16 de maio, quinta a domingo, as 20h. Os ingressos são limitados e já estão disponíveis para compra.

Com texto da premiada dramaturga Ilma Nascimento, “Xô Xuá – Um Samba Para Riachão”, traz o personagem principal, vivido por Agamenon de Abreu, fazendo um mergulho em sua própria história, a partir de um encontro com um jornalista que está escrevendo um livro sobre o samba na Bahia.

Xô Xuá – Um Samba para Riachão é um espetáculo musical em homenagem ao sambista Clementino Rodrigues, mais conhecido como Riachão, que morreu há um ano. Será exibido online nos dias 13, 14,15 e 16 de maio, quinta a domingo, às 20h, através da plataforma Sympla.

Os ingressos podem ser adquiridos por R$ 20/10 + R$ 2,50 de taxa de serviço na página do projeto na Sympla. 

O projeto tem apoio financeiro do Estado da Bahia através da Secretaria de Cultura e da Fundação Cultural do Estado da Bahia (Funceb) (Programa Aldir Blanc Bahia) via Lei Aldir Blanc, direcionada pela Secretaria Especial da Cultura do Ministério do Turismo, Governo Federal.

ACESSE:  https://www.sympla.com.br/produtor/artesintonia.

Cantor e compositor André Dias lança o disco “Das Mais Belas Tristezas às Mais Doces Levezas”


musica-negra
Foto Glauco Neves

 

O cantor, compositor e guitarrista, André Dias, lança o disco “Das Mais Belas Tristezas às Mais Doces Levezas” (DMBTAMDL) nas plataformas de streaming.

“Me permiti olhar minhas composições mais antigas, que não fizeram parte de nenhum dos meus trabalhos anteriores, e pude entrar em contato com um André mais jovem e mais livre das dores do mundo e isso foi revigorante. Por fim, ainda tive a possibilidade de trabalhar com diversos músicos mais experientes do que eu e isso acrescentou muito na minha percepção musical”, explica o músico.

DMBTAMDL conta com a participação de músicos conhecidos no cenário baiano, dentre eles, estão: André T, que além de mixar e masterizar, ficou responsável pelo Piano, Programações e Bateria Eletrônica,  Antenor Cardoso (Bateria), Cadinho Almeida (Baixo), Carlos Vilas Boas (Guitarras), Felipe Guedes (Baixo e Guitarra), Heverton (Efeitos Percussivos), Morotó Slim (Guitarras) e Joatan Nascimento (Trompete).

Sobre André Dias

Nascido em Salvador (BA), André Dias é compositor, cantor e guitarrista autodidata, iniciou sua jornada aos 14 anos. Se inseriu no cenário da música alternativa soteropolitana com diversos projetos, tanto como idealizador (Headfones, ExoEsqueleto), quanto como integrante (Declinium, Mr. Armeng).

Com o EP e vídeo release “Primeiros Tons”, André dá seu pontapé inicial na carreira solo. Suas canções são autobiográficas e tentam lançar luz à forma como a tristeza e seus diversos tons permeiam – positiva e negativamente – as relações amorosas através de uma sonoridade que passeia pelo rock, pop, jazz, eletrônico, dentre outros subgêneros.

Siga:

Instagram: https://www.instagram.com/andrediasmusica

Racismo, LGBTfobia e machismo dão o tom do espetáculo “Manifesto da Diversidade”


 

diversidade
Foto Genilson Coutinho

 

O espetáculo “Manifesto da Diversidade”, dirigido por Denys Silva, será apresentado gratuitamente ao público no dia 17 de maio, Dia Internacional de Combate à LGBTfobia, no canal do projeto no YouTube.

A programação conta ainda com um bate-papo sobre diversidade no dia 10 de maio no perfil do projeto no Instagram.

O elenco é composto pelos artistas Alex Gurunga, Denise Rocha, Elivan Nascimento, Kenuu Alves e Tiago Costa, com participação especial de Fabiane Galvão. A proposta é levar ao público um espetáculo composto por várias linguagens artísticas que falam sobre diversidade com foco no respeito à dignidade humana.

Com um elenco de atores, dançarinos, performistas, transformistas, drags e militantes, que trarão suas expressões artísticas como forma de manifesto contra a opressão às minorias, o palco será espaço de diálogos virtuais.

Acervo Zumví lança site com imagens históricas do movimento negro


zumvi-acervo-fotografia-negra
Manifestação contra genocídio no Afoxé Kori-Efan. Ano. 2019. Foto. Lázaro Roberto

 

No próximo dia 13 de maio, o ZUMVÍ – Arquivo Afro Fotográfico lançará o site www.zumvi.com.br e uma exposição virtual Memórias de Resistências Negras, com 55 imagens que trazem 08 temas de importantes momentos da história e trajetórias do movimento negro: Militantes Falecidos do MNU, Nelson Mandela na Bahia, Política de Ações Afirmativas, Grupo de Mulheres MNU, Manifestação Contra Intolerância, Quilombo Rio das Rãs, Marcha Contra o Genocídio do Povo Negro e Três Grandes Pautas.

O Zumvi registra há cerca de 30 anos as manifestações do movimento negro e o cotidiano dos afrodescendentes em diversas temáticas e contextos populares. São mais de 30 mil fotogramas que registram  momentos marcantes da luta negra nas últimas quatro décadas, bem como expressões artísticas e do cotidiano da população mais negra fora do continente africano.

O nome “Zumvi” é uma palavra fotográfica criada a partir do “Zum” da lente, e “VI” do olho, é trazer a realidade que está longe, mais para perto. Atualmente, o projeto é coordenado por Lázaro e com produção executiva do historiador José Carlos Ferreira, que também vem desenvolvendo e facilitando pesquisas acadêmicas sob o acervo no campo da memória, da cultura e da raça.

O lançamento acontecerá nas redes sociais do projeto: Instagram Facebook  Youtube

Cantor e compositor Ronei Jorge lança segundo álbum solo, “Irmã”


ronei-jorge
Foto: Agnes Cajaíba

 

O cantor e compositor baiano Ronei Jorge lança em 28 de maio o seu segundo álbum solo, “Irmã”, que será disponibilizado nas plataformas digitais.

Duas parceiras fundamentais da trajetória do artista assinam a produção musical, numa criação afiada a seis mãos, ainda que à distância e de dentro de casa: as cantoras, compositoras e produtoras também baianas Andrea Martins e Livia Nery. A data será festejada com uma live de audição comentada por Ronei, às 19h, na sua página de Instagram (www.instagram.com/roneijorge).

Com produção executiva da Tropicasa Produções, o projeto tem apoio financeiro do Estado da Bahia através da Secretaria de Cultura e da Fundação Cultural do Estado da Bahia (Programa Aldir Blanc Bahia) via Lei Aldir Blanc, direcionada pela Secretaria Especial da Cultura do Ministério do Turismo, Governo Federal.

Confira:

Ronei Jorge – “Irmã”

– 21 de maio: Lançamento single “Risos”, disponível nas plataformas de streaming

– 22 de maio, 19h: Show pelo Sesc Santana – “Música no Deck” #EmCasaComSesc

Em www.youtube.com/sescsantana e www.instagram.com/sescsantana

– 28 de maio: Lançamento álbum “Irmã”, disponível nas plataformas de streaming

– 28 de maio, 19h: Live audição comentada por Ronei Jorge

Em www.instagram.com/roneijorge

www.roneijorge.com

Aquahertz: Mostra AfroIndígena de Música Soteropolitana retorna com 19 shows online


Aquahertz-cultura-negra
Bonsuet

 

A programação da Aquahertz: Mostra AfroIndígena de Música Soteropolitana retorna a partir do dia 13 de maio com 19 shows que terão transmissão online, sempre às 19h, pelo perfil do Asè Orin – Rede AfroIndígena de Música Soteropolitana, no Youtube, projeto que a Mostra integra.

O projeto é idealizado pela Aldeia Coletivo, grupo que coabita a Casa Preta, espaço de cultura que recepciona as apresentações em seu terraço, com multilinguagens e diferentes potências musicais.

Confira programação completa:

13/05 – Tauamim Kuango, Ramón Velásquez, Amanda Rosa
14/05 – Nsabas, Guaja, Opanijé
15/05 – Akueran, Bonsuet, Áurea Semiséria
20/05 – Danzi & Jahfreeka Soul, Cazu Duo, Viviane Pitaya
21/05 – Barbárie Bundi, Madamma, Xauim
22/05 – Ofá, Mayale Pitanga, Marcola Bituca e Edivan Fulni-ô

Serviço
O Quê: Asè Orin – Rede AfroIndígena de Música Soteropolitana
Quando: 13 a 22 de maio, sempre às 19h
Onde: transmissão online pelos perfis do Instagram (@ase.orin) e Youtube

Confira a exposição virtual Ata de Reunião – uma frente de artistas negres em movimento


 

exposição-negra
Foto: Roberto de Souza

 

A exposição virtual Ata de Reunião – uma frente de artistas negres em movimento estará disponível para acesso gratuito ao público a partir do dia 10 de maio. A proposta é registrar as memórias de artistas negras e negros que se aquilombaram, juntaram suas experiências, para produzir e fomentar reflexões acerca do fazer artístico de pessoas negras na Bahia. Além dos impactos do racismo sobre suas produções e trajetórias artísticas.

Idealizado e produzido pela Frente Marginal de Arte Negra – FMAN, o projeto se baseia no registro fotográfico e na memória documental da luta política pelas cotas raciais na aplicação da Lei Aldir Blanc na Bahia. A exposição virtual da FMAN apresenta uma plataforma com cartografias artísticas de diferentes linguagens e trajetórias insurgentes no campo das Artes.  O lançamento do projeto é no dia 10 de maio em seu canal no Youtube.

Equipe Preta

Idealizada pela cineasta e poeta, Urânia Munzanzu, a expo tem curadoria fotográfica de Regiane Rios e Ismael Silva; quem assina a trilha sonora é o Maestro Letieres, O mapeamento e pesquisa cartográfica são realizados pelo historiador e músico Fabrício Mota e a antropóloga e pesquisadora Carla Ramos Munzanzu.

Na consultoria artística, tem nada menos que o cantor e compositor Lazzo Matumbi e a cantora Márcia Short, dentre outros nomes. A dramaturgia negra baiana está representada neste projeto pelas premiadas atrizes Luciana Souza, Valdineia Soriano e Edvana Carvalho.

O projeto tem apoio financeiro do Estado da Bahia através da Secretaria de Cultura e da Fundação Cultural do Estado da Bahia (Programa Aldir Blanc Bahia) via Lei Aldir Blanc, direcionada pela Secretaria Especial da Cultural do Ministério do Turismo, Governo Federal.

A exposição Ata de Reunião pode ser conferida no site: https://www.frentemarginal.com.br/

Serviço:
O quê – Lançamento da Exposição Virtual Ata de Reunião – uma frente de artistas negres em movimento
Quando – 10 de maio
Onde – https://www.frentemarginal.com.br/
Quem – Frente Marginal de Artes Negras
Quanto – Gratuito

Dia das Mães terá live show de Dão no Youtube


 

Neste domingo (9), o cantor Dão fará uma homenagem especial ao Dia das Mães, com seu show “Dão canta Roberto”, às 17h.

“Atendendo a pedidos de muitas pessoas, resolvi topar esse encontro, porque sei o quanto tem sido duro atravessarmos essa Pandemia, que infelizmente nos trouxe muitas perdas. Esse show além de ser marcante, ele dialoga com um sentimento necessário nesse momento. O sentimento mais profundo do amor”, diz Dão.

O show será no canal do Youtube do cantor. Para fortalecer a arte e o artista, o público poderá contribuir com transferência de qualquer valor par ao PIX (71 993862214).

YOUTUBE

Confira estreia do filme “A Mulher no Fim do Mundo”


mulher-do-fim-do-mundo (2)

 

Neste domingo (9), no catálogo da Wolo TV, estreia o filme “A Mulher no Fim do Mundo”, dirigido pela cineasta baiana Ana do Carmo.

“Ter “A Mulher no Fim do Mundo” chegando no catálogo da Wolo TV é uma honra, porque é um projeto que admiro muito, uma janela muito importante de visibilização e inserção de das nossas obras no cinema brasileiro e internacional. É uma plataforma de que mostra que temos capacidade não só criativa, narrativa, estética, mas também empresarial. Além de mostrar que os nossos cinemas são diversos e ricos, trazendo conteúdos para além do eixo Sul e Sudeste”, afirma Ana do Carmo.

Com roteiro de Ana do Carmo e Sérgio Loureiro, o curta-metragem conta a história de Benedita, vivido pela atriz Tainah Paes, e da garota Lua, interpretado por Maria Luiza Apolônio, duas mulheres negras, que viram o velho mundo sucumbir, e agora são as únicas sobreviventes. A inspiração para a trama veio do álbum “A Mulher do Fim do Mundo”, da cantora Elza Soares, lançado em 2015.

mulher-do-fim-do-mundo (2)

Na programação

A Wolo TV é um streaming com conteúdo focado na população negra brasileira e com assinatura individual de filmes e séries. Além do filme “A Mulher no Fim do Mundo”, também estreiam na nova fase da Wolo TV outras produções baianas: a série Punho Negro e a série de animação infantil As Aventuras de Amí.

O novo catálogo ainda conta com estreias das produções nacionais: o filme Preto no Branco e o documentário “Mulheres Negras: Projetos de Mundo”. Diferente de outros streamings, na Wolo TV a assinatura é feita por conteúdo.

Acompanhe: @saturnemafilmes e @amulhernofimdomundo

Trailer “A Mulher no Fim do Mundo”

Serviço:
O que: Estreia de A Mulher no Fim do Mundo, de Ana do Carmo, na Wolo TV
Quando: 09 de maio (domingo)
Onde: www.wolo.tv

Fotos:Divulgação