“Duas Noites e Quatro Búzios” é o novo projeto teatral de Ângelo Flávio


01João de Deus, Lucas Dantas, Manuel Faustino e Luís Gonzaga. Jovens negros, assassinados e expostos onde hoje conhecemos como Praça da Piedade, em Salvador. Luiza Francisca, Lucrécia Maria, Domingas Maria e Anna Romana. Mulheres que lutaram no mesmo front.

Estamos falando da Revolta dos Búzios, movimento que, em 1798, defendia a independência do país da coroa portuguesa, o fim da escravidão, um governo republicano, democrático e com liberdades plenas, o livre comércio e abertura dos portos.

Esta memória será resgatada no Solar Boa Vista (Engenho Velho da Federação), dias 7 e 8 de novembro,  pelo ator e diretor Ângelo Flávio, que chega a Salvador para apresentar seu projeto artístico teatral “Duas Noites e Quatro Búzios”, uma realização do Instituto Pedra de Raio e da Companhia Teatral Abdias Nascimento, a qual dirige. A entrada é gratuita, às 19h.

revoltadosbuziosangeloflavioO projeto pretende unir, nas duas noites, um coletivo de artistas que celebrarão a memória de luta destes jovens pela liberdade e a linguagem teatral é a escolhida para fazer um resgate e valorização da história e da memória da Revolta dos Búzios e dos seus heróis.

SERVIÇO:

Performance Teatral “Duas Noites e Quatro Búzios”

Onde: Cine Teatro Solar Boa Vista

Quando: 7 e 8 de novembro, às 19h

Quanto: Entrada Franca

Classificação: Livre

 

Ficha técnica:

Direção e roteiro: Ângelo Flávio

Ator: Amaurih Oliveira

Atrizes: Ive Carvalho e Josi Acosta

Dançarina: Marilza Oliveira

Poetas: Fabiana Lima, Jamile Santana e Pareta

Músico: Ricardo Costa

Apoio: Cine Teatro Solar Boa Vista, Acosta Produções Artísticas e Azul Designers

Realização: Instituto Pedra de Raio e Cia. Teatral Abdias Nascimento