Grupo TamosJuntas realiza Mutirões para formar e assistir mulheres vítimas de violência


13882567_1044773525591015_1954767101048854925_nO Coletivo #TamosJuntas realizou no sábado (10), o 4º Mutirão de enfrentamento à violência contra mulheres lésbicas, bis e trans, na Igreja Batista Nazareth (Nazaré). Nessa edição teve Mães pela Diversidade, as Dras. Anhamona de Brito, Fernanda Barreto, a educadora Joyce Cardoso, a filósofa Silvia Barbosa, as ativistas Paulett Furacão, Rosy Silva e Ariane Senna, a atriz Lívia Ferreira, além de música com Luara Maciel.

O TamoJuntas atende gratuitamente mulheres vítimas de violência, nasceu de um post da advogada Laina Crisóstomo e, a partir da advocacia probono prevista no Estatuto da OAB, vem atuando de forma intensiva não somente nas redes sociais, como na vida real, realizando Mutirões de formção e atendimento a estas mulheres. Desde que assim fez, Laina Crisóstomo vem ampliando a atuação do grupo, que hoje conta com outras advogadas: Carolina Rola, Aline Nascimento e Natasha Barreto.

O objetivo é tirar dúvidas das mulheres, orientá-las e atendê-las. E não é só em Salvador. Se uma mulher precisa do TamosJuntas em outro município, advogadas e redes são mobilizadas para esta assistência.

13912606_1044773612257673_7668760456772741346_nEm Salvador já foram realizados quatro mutirões de enfrentamento à violência contra mulheres lésbicas, bis e trans, tendo reunido mais de 100 mulheres nestas edições. Na última, dia 10, a pauta foi com mulheres lésbicas, ativistas que atuam na cidade em prol desta mesma causa. Já teve formação sobre a Lei Maria da Penha e formas de proteção, debates sobre legislação e realidade nas Deams e institutos de proteção às mulheres.

“Trabalhamos, de fato, com o princípio de sororidade, queremos que elas não se sintam sozinhas. Queremos – para além dos atendimentos, divulgar o trabalho do TamosJuntas. É um trabalho multidisciplinar, no qual apostamos no fortalecimento a partir da autoestima”, explica Laina. O mutirão já levou oficinas de turbante, trançado, limpeza de pele, voz e violão.

O Mutirão retorna em outubro, e terá atividades ligadas à saúde. Acompanhe a Fanpage do TamosJuntas e fique ligado/a.