30Anos – Inaicyra Falcão fala sobre projeto Encontro Etnolírico-Destino São Paulo


concerto-encontro-etnolirico-espaco-clario17set_sidney-rocharte-42

Há 30 anos, a intérprete soprano Inaicyra Falcão iniciava sua carreira musical, enaltecendo o canto lírico e dando corpo a performances singulares. Inaicyra é cantora, professora doutora, livre-docente, foi pesquisadora das tradições africano-brasileiras, na educação e nas artes performáticas no Departamento de Artes Corporais da Unicamp. Toda essa bagagem merece muita comemoração, que começou com show em Salvador no último mês e um intercâmbio artístico em São Paulo entre 12 e 18 de setembro.

Através do projeto ENCONTRO ETNOLÍRICO-DESTINO SÃO PAULO, Inaicyra esteve com o Grupo Runsó, coletivo de artistas que possui um núcleo de pesquisa e interpretação musical da cultura afro-brasileira em São Paulo.  O projeto foi contemplado no edital de Mobilidade Artística e Cultural 2016 da Secretaria de Cultura do Estado e, durante uma semana ela participou de ensaios com o grupo, uma roda de diálogos sobre canto etnolírico, além de circular com apresentações na capital paulista, em Taboão da Serra e Embu das Artes.

Foto: RenatoCândido
Foto: RenatoCândido

“Uma experiência que atingiu o objetivo principal, que foi estabelecer novos encontros e diálogos com Grupo Runsó. Foi poder compartilhar, na prática, o nosso conhecimento, ampliando trocas entre nossas pesquisas sobre cantos tradicionais, populares e técnicas de comunicação. A experiência foi um sucesso, tanto na técnica, quanto na capacidade de comunicação e interpretação dos participantes”, avalia Inaicyra.

Sobre os 30 anos de carreira, Inaicyra conclui: “O balanço da minha carreira, nesses 30 anos, é maravilhoso. Tenho uma formação eclética – professora, doutora, livre docente nas Artes da Cena que compartilho com a cantora lírica”. Confira a agenda de Inaicyra:

29/10 – Palestra no I Fórum Brasílica: a Dança Popular em Questão (SP)

3 e 9/11 – Concerto “Memórias” no Teatro Gamboa

Foto:RenatoCândido
Foto:RenatoCândido