Projeto Enxurrada Casa Preta III apresenta espetáculo Medeia Negra


MedeiaNegra__
Foto Alessandra Nohvais

 

Protagonizada por Márcia Limma, a peça Medeia Negra, listada como um dos espetáculos nacionais mais importantes de 2018 pela revista Bravo, será transmitida pelo projeto Enxurrada Casa Preta III, no Youtube do casarão, no dia 10 de abril, às 20h. O solo que recria a tragédia grega para os contornos reais da voz, do corpo e do pensamento de uma mulher negra, expõe opressões sofridas por essas mulheres em diferentes lugares de fala e tempos históricos.

A obra, dirigida por Tânia Farias, é parte da pesquisa que a atriz desenvolveu com mulheres encarceradas, no Mestrado em Artes Cênicas na UFBA.

Em encontros realizados no Conjunto Penal Feminino de Salvador, a atriz teve contato com mulheres encarceradas e aprofundou a compreensão do arquétipo de Medeia. As visitas contribuíram para que o discurso presente na obra refletisse a condição de mulheres que romperam com diferentes níveis de prisões políticas, históricas e sociais.

“As experiências que vivi com elas estão em uma carta com nossas sensações e desejos. Elas escreveram cartas para Medeia e eu respondi a elas em uma carta que, para mim, é a síntese do nosso laço, da nossa irmandade, das nossas confissões” trouxe Márcia Limma.

O Enxurrada da Casa Preta III é contemplado pelo Prêmio Anselmo Serrat de Linguagens Artísticas, da Fundação Gregório de Mattos, Prefeitura Municipal de Salvador, por meio da Lei de Emergência Cultural Aldir Blanc, com recursos oriundo da Secretaria Especial da Cultura, Ministério do Turismo, Governo Federal.

ASSISTA AQUI.

Acompanhe: @casapretaespacodecultura