Sistema Estadual de Bibliotecas Públicas realiza projeto “Maio da Liberdade”


 

 

Durante o todo o mês de maio, as bibliotecas vinculadas à Fundação Pedro Calmon (FPC/SecultBA), promovem uma série de ações com o objetivo de levar à sociedade um debate sobre a situação de pessoas negras no Brasil. O projeto “Maio da Liberdade” envolve todas as Bibliotecas Públicas do Estado da Bahia.

Dentre as atividades estão o Bate-papo: “Lei Áurea e a Comunidade Negra”, que fará uma abordagem crítica sobre resquícios da escravidão e racismo estrutural, com Suely Souza, do coletivo Rede de Mulheres Negras da Bahia. Será no dia 12 de maio, às 9h, no auditório da Biblioteca dos Barris. Lá também acontecerá a palestra “Escravidão, liberdade e pós-abolição”, no dia 18 de maio, às 14h, com o historiador André Luís Santos.

A programação ainda conta com oficinas como Africanidade em mosaico, Colorindo nossa África e A importância das máscaras africanas, além da exposição Dia da África, que acontece na Biblioteca Anísio Teixeira (BAT), das 8h até às 17h e expõe textos e imagens referente ao dia 25 de maio de 1963 – Dia da África.

Já a Biblioteca Virtual Consuelo Pondé (BVCP) também conta com programação especial: a revista eletrônica “Bahia com História” apresenta o artigo “Mário Gusmão: Um herói negro nos céus da Bahia”, que conta a trajetória de Mario Gusmão, o maior ator negro da Bahia no século XX.

 

Saiba mais: http://www.fpc.ba.gov.br